Já se fala em rombo de R$ 200 bilhões nas contas públicas no Senado

Após reunião com líderes do Senado, o presidente interino Michel Temer estima que a proposta de revisão da meta fiscal deverá ultrapassar o déficit de R$ 150 milhões, corrigindo o valor calculado pela equipe da presidente afastada, Dilma Rousseff, de R$ 96 bilhões.

O posicionamento, no entanto, não é pacífico. Romero Jucá, Senador e Ministro do Planejamento, calcula o valor em R$ 160 milhões, mas salienta ser uma estimativa. O resultado da negociação sobre as dívidas entre os Estados Unidos e Eletrobrás influenciarão no resultado final. Outros senadores estimaram valores em até R$ 200 milhões.

Após discussão, a mudança deve ser enviada na segunda-feira (23), a previsão de ser colocado em sessão é na terça-feira (24). Se a meta não for aprovada na votação, o governo deverá bloquear gastos, medida que pode atingir os servidores públicos.

2016 -1º Meta, definida em lei, para a poupança de pagamento de juros no ano de 2016

2016 – 2º Deficit considerado no início da gestão Nelson Barbosa na Fazenda em dez.2015

2016 – 3º Rombo do governo previsto nos últimos dias antes da votação do impeachment

2016 – 4º Nova projeção da equipe econômica do governo Temer para o deficit nas contas públicas

_____________________________

Dados retirados da Folha.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *